Compositor e Sociologista

 Tadeu, conhecido como T-Kçula vem de uma família de 9 irmãos sendo ele o caçula deles, por isso se deu esse nome artístico, T de Tadeu seu primeiro nome e Kçula por ser o mais novo de seus nove irmãos.

Seu pai é músico, tios e tias que frequentam o Unidos do Peruche, escola de samba muito conhecida em Sãp Paulo.

Seus irmãos também são músicos, e foi por causa dos ensaios do grupo do irmão que T-Kçula teve seu primeiro contato com a música. A partir desses ensaios que T-Kçula tomou gosto pela música, principalmente pelo Samba, e com 13 anos de idade ganhou seu primeiro instrumento musical (cavaquinho) e começou sua carreira de músico.

T-Kçula faz parte da escola de samba Camisa Verde e Branco, porém frequenta as principais escolas de samba de São Paulo. T-Kçula herda de sua família essa história da música e do samba, e diz que tenta dar sequência a essa trajetória, para manter a tradição, pois diz que o samba ainda e visto como música “marginal”, e faz esse trabalho para mudar a cara do samba que é visto com muito preconceito por muitas pessoas.

O músico quer mostrar para as novas gerações que é importante a preservação do samba no Brasil, e diz também que o samba esta para o Brasil, como a salsa esta para Cuba, e o Jazz esta para os Eatados Unidos.

T-Kçula deixa para o público seus contatos para poderem acompanhar seu trabalho.

My Space: www.myspace/ttkacula

Blog: www.tkacula.blogspot.com

Site: www.projetoruadosambapaulista.com.br

http://www.youtube.com/watch?v=eJQMs7Dhx6c 

Anúncios

Música na Publicidade

5 de dezembro de 2009

A música na sociedade é um objeto da ação do comunicador…

Falar da música como entretenimento é falar da essência desta arte. A música é sempre entretenimento para quem ouve. Para quem compõe e produz ela tem um significado ainda maior. Mas para quem ouve ela é, em primeira instância, puro entretenimento.

Já falar da publicidade como entretenimento é tratar de uma das muitas vertentes da atividade. A publicidade pode ser muita coisa, entre elas, entretenimento.

Sendo assim, foi enxergando através das lentes do entretenimento que constatei o seguinte: hoje nem a música usa a publicidade como ferramenta de promoção nem a publicidade usa a música como ferramenta de comunicação. Hoje, a música e a publicidade aproveitam-se mutuamente por uma razão: entreter. Entreter e vender, é claro. Quem faz ou quer fazer música profissionalmente quer, entre outras coisas, vender. Quem faz publicidade não só quer como precisa vender.

Postado por:  Agência Vibe

Data: 14/10/2009

Publicado por vibe210
Comunicação na Música

A comunicação se expressa de varias formas, uma delas é por meio da música, ela transmiti uma mensagem sendo ela não verbal é uma evolução na comunicação, para compreender melhor podemos destacar três partes da música e sua evolução:

1) a musica possui partes teóricas porque ela obtém símbolos, signos um texto e suas rimas.

2) ela possui partes instrumentais com ritmos, variados um caráter metafórico.

3)um ângulo filosófico com a intenção de compreender criar um objeto dinâmico na mente do ouvinte até mesmo uma meditação.

  Dessa forma podemos compreender que a música é um meio de comunicação porque ao ouvimos podemos compreender a mensagem passada pela música despertando assim diversas sensações com seus ritmos e temas.

 

Sandra Emilia Primo

Data: 12/10/09

A Publicidade na Música

Uma das características de um anúncio é a música de fundo que preenche os segundos de exposição ao nosso sentido. Se alguns anos ele não era importante e apenas surgia como jingle associado a um slogan ou claim, hoje em dia a música é essencial. Anúncios, como os da Optimus, Tmn, iorgut da Danone e de outras marcas de papéis higiênicos, passando pelas instituições bancaria, bebidas alcoólicas e por ai fora. Todos são exemplos da mesma importância da música na publicidade que se criou. É importante para a marca e também para os criadores e intérpretes da música em questão. Eles aproveitam os poucos minutos de audiência para aumentar seu público, associando a musica a um produto do gosto dos consumidores explorando o fato de tudo isso se passar na maioria das vezes em canais de grande cobertura nacional. Torna-se uma bola de neve que gera lucro pra uns e outros, e assim explora o lado lucrativo da publicidade.

Postado por: Sandra Emila Primo

Data: 12/10/09

blogspot.com

Comunicação na música

12 de outubro de 2009

A comunicação se expressa de varias formas, uma delas é por meio da música, ela transmiti uma mensagem sendo ela não verbal é uma evolução na comunicação, para compreender melhor podemos destacar três partes da música e sua evolução:

1) a musica possui partes teóricas porque ela obtém símbolos, signos um texto e suas rimas.

2) ela possui partes instrumentais com ritmos, variados um caráter metafórico.

3)um ângulo filosófico com a intenção de compreender criar um objeto dinâmico na mente do ouvinte até mesmo uma meditação.

  Dessa forma podemos compreender que a música é um meio de comunicação porque ao ouvimos podemos compreender a mensagem passada pela música despertando assim diversas sensações com seus ritmos e temas.

 

Sandra Emilia Primo

Data: 12/10/09

 

A publicidade na música

12 de outubro de 2009

Uma das características de um anúncio é a música de fundo que preenche os segundos de exposição ao nosso sentido. Se alguns anos ele não era importante e apenas surgia como jingle associado a um slogan ou claim, hoje em dia a música é essencial. Anúncios, como os da Optimus, Tmn, iorgut da Danone e de outras marcas de papéis higiênicos, passando pelas instituições bancaria, bebidas alcoólicas e por ai fora. Todos são exemplos da mesma importância da música na publicidade que se criou. É importante para a marca e também para os criadores e intérpretes da música em questão. Eles aproveitam os poucos minutos de audiência para aumentar seu público, associando a musica a um produto do gosto dos consumidores explorando o fato de tudo isso se passar na maioria das vezes em canais de grande cobertura nacional. Torna-se uma bola de neve que gera lucro pra uns e outros, e assim explora o lado lucrativo da publicidade.

Postado por: Sandra Emila Primo

Data: 12/10/09

blogspot.com